Os luteranos acreditam que a educação é o único caminho para a vida com qualidade, igualdade de oportunidades e liberdade de pensamento e expressão. Por isso, a Igreja Evangélica Luterana no Brasil, ao longo da história de mais de 100 anos em terras brasileiras, praticou a sua responsabilidade social, através da implantação de escolas da Educação Infantil à Universidade.

O COLÉGIO LUTERANO SÃO PAULO (COLUSP), fundado em 1933, no bairro do Ipiranga, é fruto desta visão e prática educacionais. E por conta disso, depois de muitas décadas sem interrupção de suas atividades, oferece também aos moradores das regiões do Ipiranga e arredores a oportunidade de conhecerem sua filosofia educacional.

Uma grande história em poucas palavras: O Colégio Luterano São Paulo foi fundado em 12 de maio de 1933, pela Congregação Evangélica Luterana Redentor. Esta Congregação, mantenedora do Colégio, iniciou as suas atividades em 11 de julho de 1932, com os membros da Igreja Evangélica Luterana do Brasil (IELB), residentes na cidade de São Paulo.

As atividades do Colégio Luterano iniciaram na Rua do Manifesto, nº 427, no bairro do Ipiranga, com 19 alunos. O primeiro professor e diretor foi o Pastor Otto A. Goerl. Em 1934 e 1935, o Colégio esteve sob os cuidados do Prof. Gastão Thomé. Em 1936, sob a direção do Prof. Carlos Fehlauer, o Colégio Luterano mudou para a Rua do Reno, nº 5, bairro do Moinho Velho.

Em 1941, ainda sob a direção do Prof. Carlos Fehlauer, com 81 alunos, o Colégio mudou-se para a Rua Drina, nº 03, que hoje recebe o nome de Rua Prof. Vilalva Júnior, nº 73, bairro Moinho Velho, onde permanece até hoje. Entre 1936 e 1943, também lecionaram os Professores Leonídio Krey, Edwino Herber e Erno Müller.

De 1944 à 1963 o Colégio Luterano foi dirigido pelo Prof. Guilherme Strelow, auxiliado por sua esposa, a Profa. Frieda. Em 1964, a Mantenedora convidou o Prof. Valdemar Bruno Fritz para ser Professor e Diretor do Colégio. O Prof. Valdemar ficou à frente do Luterano por 54 anos. Em 2018 deixou o cargo, quando foi substituído pelo Prof. Enio Starosky.

Em 1973, começaram as atividades da pré-escola, hoje a Educação Infantil. Em 1980 teve início a implantação gradual do 1º Grau completo, hoje denominado Ensino Fundamental. E em 1989, teve início o 2º Grau, hoje denominado Ensino Médio, e a primeira turma, formou-se em 1991.

Hoje, depois de quase nove décadas de educação escolar, o Colégio Luterano continua acreditando que, mesmo com toda tecnologia nas mãos, a maior parte da educação – e a mais importante – continuará sendo personalizada, porque “mais que conteúdo, será predominante nos colégios o desenvolvimento das competências socioemocionais. … pois a intimidade com cálculos ou a memorização de datas dirão pouco sobre os alunos”. Continuará sendo verdadeira a milenar necessidade humana de ser amado e não nenhuma ferramenta tecnológica ou experiência científica jamais serão capazes de substituir o olhar amigo, incentivador e amoroso do educador.

O Colégio Luterano acredita que o grande e permanente desafio do ato educativo é reaprender permanentemente o “abc do amor”! Manter, ao mesmo tempo, uma inteligência cordial e um coração inteligente, ciente de que os amores humanos sempre serão apenas analogias do Amor Absoluto, o Inventor de todos os amores! Por isso, fundamentado numa ‘educação para o amor’, o Colégio Luterano adota como seu lema o texto sapiencial de Provérbios 22.6: “Eduque a criança no caminho em que deve andar e até o fim da vida não se desviará dele”.

Seja muito bem-vindo ao Colégio Luterano São Paulo (COLUSP)!

Fechar Menu